Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

...no ginecologista! (achavam o quê?)
Uma miúda faz-se mulher e chegam os embaraços. Fui com a mãe Gertrudes à minha primeira consulta quando comecei a ganhar corpo. E ela entrou comigo no consultório. O que até nem me parece bem, já que as miúdas ficam menos à vontade (ou não). Também não interessa. Importa, sim, aqui para a minha história, que nasci com uma luxação congénita da anca (uma cena foleira no femur que me obrigou a usar um aparelho de ferro em bebé). Para corrigir a má formação tiveram de abrir-me os ossinhos qual rã pronta a entrar no tacho do molho de tomate. Ou seja, fiquei sem hímen muito pequenina. Ora, quando me esparramei diante da médica, comentário da dita cuja: «está tudo bem, para quem já não é tão virgem quanto tudo isso!» Estropícia!
 Ainda me lembro do olhar da Gertrudes.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.