Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

20190523_011237.jpg

Epá, digam-me que não é só na minha casa que estes seres que não servem para coisa alguma existem tipo formigas...São aqueles bichinhos que saem debaixo dos móveis, que se reproduzem tipo cogumelos e que aparecem aos moitões nos cantos das paredes. Para mais têm uns bigodes enormes à frente. Não sei se aparecem com o frio, com o calor, com a proximidade de campo - sei que tenho uns quantos na minha residência e, se bem que até os pise sem querer (faz de conta), eles continuam a ser cada vez mais.
Houve um destes cab%87$%s que me tirou do sério. Estava eu sentada na casa de banho, se é que me faço entender. Apareceu-me o estupor do bicho. E esticava o pé para lhe dar cabo do canelo. O bicho escondia-se. Mostrava o bigode. E eu pumba! Crash! E ele escondia-se debaixo do móvel do lavatório. E eu enfiava o chinelo por baixo para o esmagar. E ele aparecia do outro lado do móvel. Até punha a cabecinha de fora e voltava a fugir como se estivesse a gozar comigo. Até que me irritei. E até me esqueci do que, realmente, estava a fazer na casa de banho. Decidida a manda-lo desta para melhor - o universo lembrou-me que todos os seres são filhos de Deus. Mandei uma trancada com o dedinho do pé no estupor do móvel... Vi estrelas, navios, foguetes, tudo....Lágrimas vieram-me aos olhos. Bem, marimbei-me no bicho do qual nem sei o nome e deixei-o ganhar a guerra. Até por que se escondeu. Quando voltei à casa de banho já estava o estupor mesmo no meio do chão branco. Como se estivesse à minha espera. Como se estivesse a tourear-me...
Até estou envergonhada!

Tal não é a moenga...

MyEmoji_190124_110459_27.gif

 

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.