Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

velhinho.jpg

Deus me perdoe. Outra vez! E outra vez! E muitas, muitas vezes...
O último fim de semana foi de intensa atividade parental (como a maioria dos pais, acredito, entre festas de Natal, saraus, apresentações, quermesses e bazares). Além do sarau dos meus Moinhos, da parte da tarde, as minhas ginastas foram fazer uma singela apresentação ao lar de idosos aqui das proximidades, juventude e sorrisos para abrilhantar a quadra dos mais velhotes que sempre se deliciam com a ternura de uma criança.
O espaço era exíguo, não dava para flicks, piruetas ou mortais mas as nossas meninas fizeram o seu melhor e receberam aplausos. E carinhos!
Um senhor havia, mesmo na frente, que não passava cartucho à arte das pequeninas. Dormia. Mesmo. Aninhado na cadeira, encostado ao cotovelo. A minha descendente, que é discreta como a mãezinha dela, apercebeu-se logo. E fazia-me olhinhos como que a chamar-me à atenção para o senhor que devia estar no sétimo sono.
Convivemos um pouco e saímos, deixando a festa prosseguir. E o senhor dormir.
«Não sei porque insistem em pô-lo sempre na frente. Não estava a dormir, não. É cego», explicaram-nos. Deus nos perdoe!

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.