Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

20200414_115404.jpg

Conhecemo-nos no ginásio ( no nosso Fitness Hut)! Já nem me lembro quando! Mas servíamos de belo argumento para filme: três mulheres completamente diferentes que, algures, encontraram grandes afinidades.
Hoje a Inês (morenaça à direita) faz anos. Está em casa com a filhota que também hoje faz um aninho sem que possa haver a algazarra e o babanço (vulgo apertões de bochechas) com que sempre se presenteiam bebés irresistíveis desta idade.
Parabéns amigas! Maldito Covid que não me deixa ser 'tia' mais presente para a Catarina. 

Conhecemo-nos no ginásio! Já nem me lembro quando! Mas isso também não interessa para nada.
A Inês, apesar de mais nova que eu (pouco mais, hã!) sempre foi a mais adulta - a voz da razão, a dos conselhos sábios, a mais presente, a mais consciente, a que tem as palavras certas nas ocasiões indicadas; é quem mais nos dá na cabeça ( ela fala, fala e nós fazemos o contrário, mas tem sempre razão!)

A branquinha da esquerda é a voz do coração!
Toda ela é mel, lamechice, meiguice, beijeiroquice e todas as 'ices' que se recordem. É a mais chorona, a mais sentimental, a mais sensível... É a Cindi!

Depois existo eu. Que sou a mais...eu! Assim, meio ....eu! Que tão depressa balanço mais para ser como...eu!

No dia em que tiramos a foto de cima, foram as duas fazer-me uma surpresa ao jornal A BOLA (quando ainda lá era jornalista), decidindo animar-me por que, na altura, estava a ter um qualquer dilema existencial, vulgo ataque de nervos à Bicho (qual era mesmo a minha macacoa? E estávamos tão magras, catano!)
Enfim!
Hoje o dia é da Inês, ex aventureira que metia a mochila às costas e rodava o mundo sozinha. 
Como a vida muda. Hoje aposto que está feita dona de casa a cozinhar o bolinho da filhota, despreocupada com as raízes brancas do cabelo (por acaso, aí, ganhas-me!), de calças de ganga e ténis mas cheia de charme, sempre a ser boa (a melhor) em tudo o que faz!
Que tenhas dia imensamente feliz!!!!!!
E quando te apanhar vou ter tantas saudades que vou ser uma... Cindi!
Tal não é a moenga!

Cuidem-se!