Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

20190515_132837.jpg

Arre, que não me dou temperada! Contei-vos que andei dias a assar no carro sem ar condicionado, certo? É verdade que gosto de uns 35/37 graus mas convenhamos que, de vez em quando, uma aragem dá jeito. Lá me desenrascaram um regulador daquela tanga, já o meu BMW (fino) parece uma morgue - salvo seja! Aquilo a 16 graus dá logo para congelar o pingo que cai do nariz. Lá ia eu, a caminho do ginásio, neste liga, desliga ar, aquece e arrefece. Como tenho feito muita bicicleta, decidi -me a fazer 3 B - aquela aula para trabalhar pernas e bunda ao som de ritmos brasileiros que me dão cá uns nervos.... Bem, já ia gelada do carro, irritada de ter de ouvir a Piradinha, piradinha quando começo a sentir gotas. 'Atão' mas está chovendo? Vejam bem a minha sorte - também o ar do ginásio estava meio marado e, assim que se ligava, vertia água. E eu, lógico, fui logo escolher o sítio onde a água caía a pique. Era frio, era água, era escorregar no piso molhado, porra que me faltaria acontecer? Até fiz um chazinho quente quando cheguei a casa que me sentia a constipar. 
O universo também conspira contra mim ou estarei a vitimizar-me?

Tal não é a moenga...

 

MyEmoji_190124_110459_54.gif

 

cavalheiro.jpg

Uma pessoa até estranha! É que já não se usa! Já vos disse que fiz recentemente um curso de TV para futebol? Ao meu lado ficou um senhor, mais velho , todo ele muito atencioso. Assim que se aproximou, disse-me o nome e estendeu-me a mão -  por momentos pensei que ia beija-la mas só ma apertou.
À nossa frente estavam copos e uma garrafa de água, servindo-me primeiramente. Está certo! Então mas de cada vez que eu dava um golo o amigo voltava a ir buscar a garrafa e a repor o trago que tinha dado - até ja me sentia mal de levar o copo à boca. Intervalo. Quando voltamos, puxou-me a cadeira!!!
Cristo, que educação! Uma bronquinha como aqui a bichinha até estranha.
E que fiz eu- sem querer, naturalmente-, quando queria retribuir tantas considerações? Levantei-me de chofre e espetei-lhe com a cadeira numa canela. «Mil desculpas.....»
«Nada disso. Eu é que já devia ter-me chegado atrás!»
Irra!
Tal não é a moenga...

Sabiam que já deviam ter deixado uma recomendação na página de Facebook de Bichanando? Tinha-me esquecido de referir esta questiúncula tão importante para mim....

darsangue.jpg

Comecei o ano com uma alegria - consegui dar sangue, prática que me envaidece. Fui recusada umas quantas vezes por ter a hemoglobina baixa - desta vez estava a 14 (só um recadinho lá para Beja para se convencerem de uma vez por todas que não preciso comer porcos para estar saudável).
Lá preenchi o questionário e esperei pela consulta médica. Tensão arterial: 8-6. «Credo, que passarinho. Sente-se bem?»
«Sim, sinto. Isso é normal em mim. Sempre assim foi. Quando tenho a tensão a 11 é porque estou irritada»!»
Passei à cadeira para a 'pica'.
«Tensão tão baixinha. Vá beber água. Já bebeu café?»
«Para aí uns quatro», respondi. «Beba mais um!» 
E lá fiquei a esgotar o stock do Instituto do Sangue.
«Quantas garrafas de água bebeu?» «Uma pequena!»
«Beba outra». Chiça. «Venho dar sangue ou fazer uma ecografia?»
Riram-se de mim. Nova avaliação.
Tensão? Já está a 9.
Ok, passemos à dádiva. «Vá abrindo e fechando a mão que a sua veia é tão fininha que o sangue para logo de correr!»
«Olhe, mas com  a quantidade de água que me fizeram beber, daqui a pouco há outra coisa que corre, sim, e pelas pernas abaixo!»
Riram-se de mim outra vez! Deixaram-me ir à casa de banho mas nem me permitiram levar a mala para se certificarem que de que voltava para comer e... beber água.
Glu, glu, glu....