Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

 

1.jpg

Mais uma Ovibeja que hoje termina, mais uma que eu perdi- ando a falhar como as notas de 500!
Há anos que não vou ao grande certame da minha terra, tanto orgulho que tenho de ser bejense.
Aliás, eu, se pertencesse ao atual executivo camarário, proibía-me de passar de Santa Margarida para a frente,  de desnaturada que sou, já que, nos grandes acontecimentos, vulgo happenings, a filha mais nova do Bicho nunca está! 
Mas sabem como é - o homem tem jogo no norte, a miúda treinos de acrobática e aqui a chaparra amocha.
Mas fiquei com pena. Ainda que, nos dias que correm, já pouca gente me conheça - e não, não é por ter engordado, oK?
Longe vão os tempos em que andava a ver quando o meu pai Bicho se fartava de ouvir os cantares (nunca!) para começar a beber shots com a minha trupe. Longe vão os tempos em que dizia que estava com a minha irmã e apenas combinavamos hora à porta de casa. Longe vão os tempos em que espetei com o carro nos discos de uma ceifeira debulhadora que lá estava estacionada!
Mais longe vão ainda os tempos em que comia sandes de presunto e aquelas sandes de quatro metros de comprido cobertas daqueles queijos maravilhosos que cheiram a pés. Parece que foi noutra vida que comia malacuecos e doces conventuais (ai a tarte de requeijão com amêndoas...)
Promessa de Bicho - a 37.ª não falho! 

Tal não é a moenga....

MyEmoji_190426_112334_12.gif

 

labios vermelhos.jpg

Não! Esta boca de vermelhos lábios carnudos não é a minha! Infelizmente.
Mas nem só as esculpidas por natureza podem desfrutar destes mimos femininos, certo?
Pois que pintei os 'beços' de vermelho e lá fui armada em grande senhora.
Passei pelo meu cabelereiro e decidi cumprimentar a malta. Conhecem as mulheres, né? Não podem ver nada... «Ai, onde vai ela de lábios pintados? Que bem! Fica-te bem». Obrigadinha, respondi, como manda a educação. Acontece que, sentado na cadeira defronte do espelho, estava um rapaz a fazer a barba. E elas continuavam: «Não lhe fica bem? Como é branquinha essa cor destaca-se, não acha?»
Ora, parvoíce - que havia de responder o homem: não, acho que fica mal como o raio?
O rapaz lá se riu, concordou com os elogios e ficou ele mais vermelho que os meus lábios quando alinhei na brincadeira e lhe disse, desbocada: «Vá, diga lá que gosta da cor senão vou daqui para a sofá do psiquiatra com o ego todo armafanhado!»
Ficou a olhar para mim, com cara de pasmo: ou achou que eu estava a falar a sério, ou então não sabe o que é armafanhado!
Tal não é a moenga...

MyEmoji9.gif