Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

Bichanando

Onde uma jovem quarentona limpa o cotão que tem no cérebro!

20190706_203342.jpg

É a maior! Quem havia de ser? A minha mãe Gertrudes! Como é que eu não havia de ser acelerada nas horas....Minha pobre filha que é bem pior que nós as duas juntas.
Fui a Beja passar o fim de semana, altura em que a Tuta (Gertrudes) não sai da cozinha.
Não me perguntem porquê...Faz sopas, faz o prato preferido de casa um, enfim!
Estavamos as duas a conversar na cozinha e ela a mexer nos tarraços - ao tirar o cace de dentro da sopa era ver espinafres a voarem e a aterrarem no chão. «Ficaram enleados na colher», explicava-se. 
A saga continuou na altura da fruta. A partir meloa madura para a netinha e ao querer tirar-lhe as pevides, saltavam sementes por cima das nossas cabeças tal a forma frenética com que distribuía as fatias. Fiquei um pouco mais a conversar com o meu pai enquanto a Gertrudes lavava a loiça. Desisti quando olhei para o braço e estava cheio de bolinhas do detergente. 
É assim a minha Gertrudes. Assim sou eu! A minha Caetana?... Quem batiza furacões e intempéries?
Ainda cheguei a pensar ter mais filhos! Mas Lisboa não precisa de outro terramoto!
Tal não é a moenga...

MyEmoji_190426_112334_23.gif

 

sopa.jpg

Valha-me Deus que iniciei o caminho sem retorno! Tantas vezes que ralho com a minha Caetana - come como deve ser, devagar que ninguém te vai tirar o prato, fecha a boca que pareces uma máquina de lavar, não metas tanta comida ao mesmo tempo, dá para não te babares a comer a sopa... 
Acreditam que estou com uma certa dificuldade em comer o belo e nutritivo liquido de que sou tão fã? Não sei se tenho a boca dormente, se já vou com a colher à boca com esta ideia fixa de babar-me, a verdade é que quando dou por mim espirro espinafres por todo o lado...
 Lembro-me logo quando, ainda no jornal A BOLA, ia jantar com a malta à salinha do quarto andar. Lógico que todos gozavam comigo devido às minhas saladas, sopas e pratos verdes. Naquela noite tinha tomates cherry. Sentei-me à frente do Ricardo Quaresma, chefe de redação que tinha uma bela camisinha branca. Assim que cravei os caninos nos ditos tomates - foi de esguicho! Sujei o desgraçado que tantas me aturou! E depois para eu parar de rir? 

Tal não é a moenga!

(já agora, e sem querer abusar da vossa santa paciência, dá para gostar desta página - https://www.facebook.com/Bichanando/?ref=bookmarks - e deixar uma criticazita jeitosa que vá de encontro à vossa consciência e ao meu agrado? Bom poder contar com vocês!!!!)